Fale conosco

O que você está procurando?

Revista Atrevida

TV e Séries

Segunda parte do reboot de “Gossip Girl” ganha data de estreia e trailer inédito

Novos episódios chegam ao catálogo do HBO Max ainda neste mês

Segunda parte do reboot de "Gossip Girl" ganha data de estreia
Segunda parte do reboot de "Gossip Girl" ganha data de estreia. (Divulgação/HBO)

Já podemos comemorar: a HBO Max finalmente revelou quando veremos a segunda parte da primeira temporada do remake de “Gossip Girl”. Inicialmente, só tínhamos a informação que seria em novembro de 2021, mas agora é oficial: o retorno chega no dia 25 de novembro, Dia de Ação de Graças nos Estados Unidos.

Aliás, temos um trailer inédito nos mostrando o que podemos esperar dessa nova parte da série. Enfim, confira:

Na metade de agosto, o sexto episódio do reboot de “Gossip Girl” chegou na HBO Max com um gostinho de “até logo”. Aliás, vale lembrar que teremos apenas mais seis episódios, já que a temporada conta com 12.

E, calma, a segunda parte está chegando, mas vem muito mais de onde veio, já que “Gossip Girl” foi renovada para uma segunda temporada. Tudo, né?

Sobre o revival da maior fofoqueira de NYC

A intenção do reboot certamente é, em doze episódios, mostrar uma nova perspectiva da garota do blog, agora com as redes sociais da atualidade. Mesmo com a ideia de mostrar uma nova “fofoqueira” em Nova York, a narração da série ainda será feita por Kristen Bell, a voz original.

Em relação ao elenco, nomes como Emily Alyn LindWhitney PeakJordan Alexander e Evan Mock se destacam. Evan disse que nunca tinha assistido a versão original, mas quando conseguiu o papel correu para assistir.

Por fim, vale destacar que uma das grande diferenças entre os projetos é o próprio elenco que não é 100% branco, como o da série dos anos 2000. Emily destacou esta importância em entrevista para a Dazed“É realmente importante para nós não somente falar sobre essas coisas [representatividade], mas também expressar como são coisas normais que as crianças lidam. (…) É sobre normalizar coisas que costumavam ser diferentes ou tabus.”