Fale conosco

O que você está procurando?

Revista Atrevida

TV e Séries

Diretor de “Malcolm & Marie” relembra desastre das primeiras cenas e conta: “Eu teria sido despedido”

diretor-de-“malcolm-&-marie”-relembra-desastre-das-primeiras-cenas-e-conta:-“eu-teria-sido-despedido”

O diretor contou que precisou mudar completamente as gravações dois primeiros dias de filmagem até chegar no resultado

“Malcolm & Marie”, o novo filme da Netflix com John David Washington e Zendaya, já estreou na plataforma de streaming e, como qualquer outra produção, as coisas não foram fáceis na produção. Em entrevista ao EW, o diretor Sam Levinson relembrou das gravações da primeira cena do filme e contou como tudo precisou ser mudado.

+++LEIA MAIS: Zendaya reage depois de ser criticada por diferença de idade com ator de “Malcolm & Marie”: “Sou crescida”

Seu objetivo inicial era gravar Malcolm e Marie voltando de uma festa em Hollywood, onde comoraram a estreia do novo filme do diretor Malcolm, porém, após um dia de gravação, eles perceberam: “Filmamos no primeiro dia; tudo está fora do ritmo. Nada parecia estar funcionando – o bloqueio, o movimento. Algo não estava clicando”, contou Levinson.

Foi então quando o cineasta decidiu mudar a maneira como a cena foi filmada. Passou a gravar com as mãos, o que não é comum em filmes em preto e branco. Levinson relembrou como o diretor de fotografia, Marcell Rév, ficou no fim do dia: “Eu posso dizer que Marcell estava suando, porque ele estava carregando esta câmera o dia todo. Ele perdeu três quilos apenas de filmar naquele dia.” Desanimado com o resultado das gravações, Levinson decidiu mudar o foco das gravações, para uma cena posterior à escolhida inicialmente, em que Marie aparece saindo do banheiro e Malcolm andando pela casa. “Isso é o que estávamos procurando”, disse.

 

+++LEIA MAIS: Zendaya afirma que gravar “Euphoria” não foi tarefa fácil; entenda!

Em seguida, o diretor avisou a equipe e os atores, que o segundo dia de gravação também seria destruído e que precisariam refazer, já que o primeiro dia havia sido mudado. “É assim que ele funciona”, disse Zendaya ao John David Washington, e lembrou das gravações de “Euphoria”, em conversa com a EW: “Em Euphoria, são 60 bilhões de cenas em um episódio”.

Após o desastre das primeiras gravações, as cenas finalmente se encaixaram e a sequência da cena ficou incrível, como o próprio Levinson ressaltou. “Não foi nenhuma edição”, disse o intérprete de Malcolm. “Fizemos tudo de uma só vez, até ela colocar o maldito queijo na panela. Isso foi extremamente desafiador, enervante. (…) Era como se fosse para ser. O universo disse: ‘Vocês merecem esta cena’”.

+++LEIA MAIS: Zendaya e John David Washington estrelam novo filme da Netflix; veja o trailer de “Malcolm & Marie”

No fim das contas tudo deu certo e a gravação ficou ótima. Até porque, jogar fora dois dias de filmagem não seria nada fácil, ou como o próprio Sam Levinson disse: “Eu literalmente teria sido despedido”.