Fale conosco

O que vc está procurando?

Revista Atrevida

TV e Séries

BBB21: Camilla de Lucas tenta explicar racismo para Rodolffo e brother desdenha

Brother foi acusado de racismo por João Luiz após episódio em Castigo do Monstro

Camilla de Lucas e Rodolffo conversam no "Big Brother Brasil"
Camilla de Lucas e Rodolffo conversam no "Big Brother Brasil" (Crédito: Reprodução/Globo)

O último jogo da discórdia no “Big Brother Brasil” rendeu muitas polêmicas na noite de segunda-feira (6) envolvendo Camilla de Lucas e Rodolffo, e um tema muito importante: racismo. João Luiz aproveitou a dinâmica para comentar sobre uma situação racista que viveu dentro da casa junto com Rodolffo. Vale ressaltar que o sertanejo está no paredão desta semana junto com Caio e Gilberto.

Na ocasião, Rodolffo fez um comentário racista e comparou uma peruca de um homem das cavernas, que fazia parte do Castigo do Monstro, com um o cabelo black de João. Ele acabou ficando bastante abalado com o comentário racista, e desabafou durante a edição ao vivo do programa e recebeu o apoio de Camilla de Lucas.

A situação se agravou durante toda a madrugada do reality, e Camilla, que é muito próxima de João, tentou conversar com o sertanejo sobre o que houve e explicou o motivo do comentário ser considerado racista. No entanto, Rodolffo não parecia entender o que ela estava explicando e chegou a dizer que é difícil entender o “mimimi” de hoje em dia. “A partir do momento que alguém está dizendo que não é legal, não é mimimi”, respondeu a influenciadora.

Desabafo de João Luiz

O Jogo da Discórdia desta semana funciona da seguinte maneira: cada brother teve que escolher quem, em sua opinião, era o “Pior Jogador”, “Melhor Jogador” e aquele que “Joga Sujo”.

Um dos momentos mais marcantes do jogo foi quando João expôs seu incômodo com a “piada” racista feita por Rodolffo na semana passada. O professor chegou a chorar e foi consolado pelos outros confinados da casa.

Para quem não entendeu, na semana passada, o cantor sertanejo comparou o cabelo de João ao de um homem das cavernas, “piada” essa que causou grande desconforto no professor.