Fale conosco

O que você está procurando?

Revista Atrevida

Livros

6 livros com protagonistas femininas inspiradoras que você precisa conferir!

Difícil é escolher qual ler primeiro!

6 livros com protagonistas femininas inspiradoras
6 livros com protagonistas femininas inspiradoras, confira! (Reprodução/Intrínseca)

Para os amantes de livros, separamos seis histórias incríveis com personagens femininas fortes e inspiradoras. Muitos deles já são sucesso internacionalmente, muitos deles best-sellers no New York Times, e com críticas positivas. Tudo isso com a ajuda da editora Intrínseca que estão disponíveis em seu site. Então, segue as dicas:

Não Nasci para Agradar – Michelle Quach

Eliza Quan se dedica mais que qualquer pessoa e não tem medo de expressar suas opiniões, e por isso é a candidata perfeita à editora-chefe do jornal da escola. Mas quando por um capricho o ex-atleta Len DiMartile decide se candidatar, todas as vastas qualificações de Eliza são deixadas de lado. Alto, lindo e um garoto, todos acham que Len se parece mais com um líder, embora não tenha qualquer experiência.

Indignada com a situação, Eliza extravasa suas frustrações em um manifesto publicado sem sua autorização e, da noite para o dia, se torna um símbolo feminista, dividindo opiniões da escola a seu respeito.

Para acalmar os ânimos, o diretor pede a Eliza e Len para trabalharem juntos no jornal, mas, conforme a dupla se conhece melhor, a jovem se depara com um terrível sentimento.

Viúva de Ferro – Xiran Jay Zhao

Em Huaxia, os garotos sonham em pilotar as crisálidas, robôs gigantes que protegem a humanidade dos ataques constantes de alienígenas. Para as garotas, a maior honra é ser uma piloto-concubina, se conectando aos pilotos homens e fornecendo energia vital às máquinas de guerra. Entretanto, pouquíssimas concubinas conseguem sobreviver à força dessa conexão mental tão intensa. 

Aos 18 anos, Wu Zetian se alista como piloto-concubina com um único objetivo: matar o responsável pelo assassinato de sua irmã. O que nem ela mesma esperava era se revelar uma Viúva de Ferro, um tipo raro de concubina capaz de sugar a energia dos homens nas crisálidas, levando-os à morte. 

Para domar suas habilidades mentais extremamente poderosas, o Exército coloca a jovem ao lado de Li Shimin, o piloto mais temido de Huaxia. Mas agora que descobriu o próprio poder, Zetian não desistirá tão fácil, e usará todas as suas armas para decifrar e destruir o sistema de pilotos antes que mais mulheres sejam sacrificadas.

Pássaro Branco – R. J. Palacio

Algumas memórias precisam ser mantidas vivas para evitar que tempos sombrios retornem. Em “Pássaro branco”, R. J. Palacio volta a emocionar os leitores, trazendo um novo olhar sobre Julian, o colega de turma que fez de tudo paradificultar a vida de Auggie em “Extraordinário”.

Se em “Auggie e eu” conseguimos entender um pouco melhor a origem do comportamento de Julian, em “Pássaro branco” conhecemos a história de Grandmère, a avó do menino. No passado, ela foi separada dos pais à medida que a ocupação nazista avançava pela França, durante a Segunda Guerra Mundial. A jovem Sara encontra abrigo junto àfamília de Julien Beaumier, seu colega de escola acometido por poliomielite e excluído por todos. A tragédia vivida por Grandmère mostra ao seu neto e aos leitores a importância de gestos de bondade em momentos de sofrimento. 

A Filha das Profundezas – Rick Riordan

Na trama, Ana Dakkar é uma das estudantes mais dedicadas da Academia Harding-Pencroft, uma escola que forma os melhores cientistas marinhos, guerreiros navais, navegadores e exploradores submarinos do mundo. Os pais da garota morreram em uma expedição científica dois anos antes, e a única família que lhe restou foi o irmão mais velho, Dev.

Ana e seus demais colegas de turma se preparam para uma prova final importante e secreta, mas as expectativas da jovem vão por água abaixo quando ela testemunha uma terrível tragédia. Para piorar, a Harding-Pencroft passou os últimos cento e cinquenta anos numa guerra com a escola rival, o Instituto Land, e agora o maior medo desses bravos alunos não é tirar notas baixas, mas virar comida de peixe.

Correndo contra o tempo, contra inimigos ameaçadores e contra as próprias inseguranças, Ana descobre ser herdeira de um legado ancestral lendário e precisará liderar uma missão mortal para salvar seus companheiros e o lugar que aprendeu a chamar de lar.

Reprodução

Lendários – Tracy Deonn

Bree Matthews não quer conviver com as dolorosas lembranças do passado.  A garota de dezesseis anos acabou de perder a mãe, e a última conversa entre as duas não foi nada amigável. Por isso, a aprovação em um programa para alunos de excelência acadêmica da Universidade da Carolina do Norte parece ser a fuga que tanto procura. Mas o que parecia ser o recomeço perfeito se torna um emaranhado de novas emoções, quando ela testemunha algo que mudará sua vida para sempre. 

Logo no primeiro dia de aula, Bree vê um demônio e descobre a existência dos Lendários, integrantes de uma ordem milenar formada pelos descendentes dos Cavaleiros da Távola Redonda e do rei Arthur. São eles os responsáveis por manter a humanidade livre dessas criaturas demoníacas. Então, nessa busca para entender melhor a magia que envolve seu mundo e seu passado, Bree se alia a Nick, autoexilado da Ordem, e acaba descobrindo dentro de si uma força ancestral que pode ser decisiva quando chegar a guerra final entre magos e demônios.

Reprodução

Coragem – Raina Telgemeier

Por fim, finalizamos com a história da jovem Raina que está com um probleminha. Ela acordou com uma dor estranha na barriga. Sua mãe também, então talvez seja só uma virose. Até aí tudo bem, acontece. É só descansar. No entanto, quando Raina volta para a escola, surgem mais problemas. A tal dor causa um enjoo que não passa, e agora ela está cheia de preocupações: medo de comer, de perder as amigas, dos trabalhos da escola e de uma palavrinha em especial, um terror que começa com a letra “v”. Para completar, ela tem que lidar com a família caótica e com uma menina que vive implicando com ela, além dos colegas de turma, que só querem saber de nojeiras.

Cada dia traz um novo receio para a jovem Raina. Ela só tem 10 anos, e talvez seja um pouco complicado lidar com tudo isso sozinha. Felizmente sua família percebe que há algo avassalador e paralisante tomando conta dela: a ansiedade. Então, com a ajuda dos pais e da terapeuta, Raina vai descobrir que uma dorzinha pode encobrir nossos maiores medos, e que é preciso coragem para dominá-los.