Fale conosco

O que você está procurando?

Revista Atrevida

Livros

5 livros natalinos para já entrar no clima do feriado

Obras repletas de muito romance e aventuras prometem trazer o melhor que a data mais aguardada do ano pode oferecer!

5 livros natalinos para já entrar no clima do feriado
5 livros natalinos para já entrar no clima do feriado (Foto: Divulgação/Editora Record)

Por Yasmin Altaras

Pois é, a magia do Natal já está no ar e estamos em contagem regressiva para comemorar a data mais aguardada do ano. E isso não poderia ser diferente com os livros natalinos, já que há tantas opções referentes à essa temática por aí, não é mesmo?

Pensando nisso, a Atrê reuniu 5 livros do gênero para você já entrar no clima de Natal e aproveitar o melhor que este feriado tem a oferecer. Então, bora conferir? 🙂

1. O caderninho de desafios de Dash & Lily, de David Levithan e Rachel Cohn

O Natal está quase chegando, o que é motivo de grande alegria para Lily, que sente que chegou a hora, finalmente, de se apaixonar. Para encontrar sua cara-metade de forma nada óbvia, ela montou, junto de seu irmão, um plano: deixou um caderninho vermelho repleto de tarefas em uma das prateleiras de sua livraria favorita – e mais caótica, vale ressaltar – da cidade, na expectativa de que o cara certo apareça e aceite o desafio.

Dash, que não é exatamente um fã do período natalino, encontra o caderninho na sua também favorita livraria e decide – por que não? – topar a missão. Intrigado e curioso, ele completa as primeiras tarefas, e os dois passam a se comunicar e conhecer um ao outro utilizando como ponte o caderninho, que é deixado e resgatado, a cada vez, em um ponto diferente de Manhattan.

Mas Dash é mesmo o cara certo?

2. Sete dias juntos, de Francesca Hornak

Uma semana é muito tempo para passar com a família…

A família Birch irá se reunir em Weyfield Hall, para o Natal, pela primeira vez em muitos anos. Emma está eufórica com a chegada da filha mais velha, Olivia, mesmo sabendo que o único motivo para o seu regresso é a quarentena à qual deverá se submeter após ter sido voluntária no tratamento de uma epidemia devastadora na África.

Enquanto Emma se esforça para parecer tranquila e para agradar a filha recém-chegada, seu marido, Andrew, jornalista e renomado crítico de restaurantes, passa os dias isolado em seu escritório, revirando o passado e revivendo seus dias de glória como um correspondente de guerra. 

Phoebe, a filha mais nova, vive em um mundo frívolo que gira somente ao seu redor, e durante a quarentena se dedica de forma obsessiva à organização de sua cerimônia de casamento, para o desgosto de Olivia que tenta superar o choque cultural causado pelo contraste entre os luxos da vida de sua família e as mazelas de um país subdesenvolvido.

Assim, pelos próximos sete dias ninguém poderá entrar nem sair da casa. Isolados do mundo e presos à companhia indesejada uns dos outros, uma semana pode se tornar uma eternidade para os Birch. Especialmente quando todos têm segredos a esconder.

Um deles prestes a bater à porta.

3. Beijos em Nova York, de Catherine Rider

É véspera de Natal no aeroporto JFK, em Nova York. Mas Charlotte, uma estudante britânica que veio à cidade para um intercâmbio que acabou se transformando no pior semestre de sua vida, não está exatamente sentindo esse clima natalino: como se não bastasse ter levado um fora recentemente, percebeu que, devido a uma nevasca, não conseguiria retornar a Londres para passar a noite de Natal com sua família.

É então que, sozinha no aeroporto e desesperada para ir embora, conhece Anthony, que, coicidentemente, acabou de levar um fora – e pior: em público. Munidos de um livro de autoajuda, “Supere seu ex em 10 passos fáceis”, e determinados a, de fato, superarem suas desilusões amorosas, os dois passarão a noite de Natal cruzando a cidade de Nova York – e, sem querer, embarcarão também numa viagem de autodescoberta que mudará sua trajetória

4. Em casa para o Natal, de Cally Taylor

Assim como em seu primeiro livro, O céu vai ter que esperar!, Cally Taylor, no divertido Em casa para o Natal, une com maestria romance e comédia, mas, desta vez, com uma diferença: na época mais especial do ano, o Natal. Quando lançado na Grã-Bretanha, fez enorme sucesso, figurando nas principais listas de mais vendidos.  Beth Prince sempre adorou contos de fadas e acredita que está prestes a viver um final feliz: tem o emprego dos sonhos em um charmoso cinema independente e um namorado maravilhoso chamado Aiden. Ela faz parte de um grupo privilegiado de pessoas que trabalha com o que ama, e o entusiasmo pelos filmes intensifica a busca por seu próprio “felizes para sempre”.

No entanto, só há um problema: nenhum homem jamais declarou seu amor por ela. E, apesar de acreditar que Aiden é o príncipe encantado, a protagonista desconfia de que ele tem medo de dizer “eu amo você”. Desesperada para escutar essas palavras mágicas pela primeira vez, ela resolve assumir as rédeas do destino — e acaba se arrependendo.

5. Os delírios de Natal de Becky Bloom, de Sophie Kinsella

Becky Brandon (nascida Bloomwood) adora o Natal. A família se reúne na casa dos pais dela, eles ouvem canções natalinas, sua mãe finge ter feito a sobremesa e os vizinhos chegam para tomar uma taça de xerez usando suéteres horríveis de Natal… Pelo menos agora, com a internet, as coisas ficaram mais fáceis. Todos os sites estão em promoção. Além disso, se as suas compras passarem de determinado valor, você ainda ganha frete grátis! E, nessa época, as vitrines estão brilhando, convidativas, cheias de descontos!

Mas as coisas serão um pouco diferentes esse ano… Sem conseguir resistir aos apelos da cerveja artesanal e do creme de abacate, os pais de Becky acabam se mudando para Shoreditch, um bairro super da moda, e pedem à filha que organize o almoço de Natal pela primeira vez. Combinado. Afinal, o que poderia dar errado?

Becky é perfeitamente capaz de organizar um almoço maravilhoso, não é? Mas ela tem de atenter a algumas demandas bem específicas, como providenciar um peru vegano para a irmã, um presente perfeito para Luke (ela só precisa encontrar uma maneira de entrar num clube exclusivo para homens) e um mimo para sua filha Minnie (se ela conseguir entender o que a garotinha realmente quer ganhar). Ah, e ainda tem um ex-namorado dela que surgiu do nada, cheio de segundas intenções, e com a nova e controladora namorada dele.

Mas Becky vai tirar tudo de letra. Será?

Então, curtiram as indicações de livros natalinos? 🙂