Fale conosco

O que você está procurando?

Revista Atrevida

Música

Giulia Be lança seu novo single “Pessoa Certa Hora Errada”

O clipe, que tem Giulia como diretora, chega amanhã às 12:12 no canal de YouTube da cantora

Giulia Be lança seu novo single
Giulia Be lança seu novo single. (Divulgação)

Giulia Be, a rainha das músicas carregadas de histórias românticas (sejam elas felizes ou tristes), chega com um novo single. Só que, desta vez, o hit vai ser uma sofrência que não vai deixar ninguém parado: “pessoa certa hora errada”. Preparem os lencinhos e os corações!

Alinhada com a numerologia, a música chega ainda nesta quinta-feira, dia 09/09, às 9pm (21h), em todas as plataformas digitais, enquanto o clipe estará disponível no dia 10, às 12h12, no canal de YouTube da cantora. E aí, animados?

Com letra de GIULIA BE e Dany Marinho (seu irmão), o novo single, assim como suas outras canções, é baseado em uma história que a cantora já viveu e viu outras pessoas passando pela mesma situação: entrar a pessoa que parece ser perfeita para você, só que na hora errada.

Seja por maturidade, seja por momentos da vida diferentes, às vezes apenas estar apaixonado pela pessoa não é o suficiente. “Mesmo às vezes não sendo a hora certa, por diversos motivos, isso não desmerece o que as pessoas viveram no tempo que estavam juntos. O sentimento é real, mas não era para ser. Não quer dizer que era mentira, só não era a hora certa. E foi isso que eu quis passar”, explica GIULIA. Além disso, nos próprios versos, a cantora também fala sobre a confusão de sentimentos que ocorre na situação ‘pessoa certa hora errada’, como fica explicado no trecho: “cê disse que me ama, e eu disse também, mas no fundo eu já cantava que eu sou de ninguém (…)”. Quem nunca, não é mesmo?

Para deixar isso ainda mais claro, a artista apostou em incluir pedaços de um áudio dela no começo e no fim da música. “Antes de entrar no estúdio, achei que seria bom relembrar como eu estava me sentindo quando escrevi a música. De repente, eu estava sentada no chão, gravando um áudio falando o que eu gostaria de ter dito para aquela pessoa quando tudo aconteceu. No final, a gravação ficou  gigante, então cortei dois trechos e incluí na versão final. Sinto que foi essencial para contar a história que queríamos”, completa a artista.