Fale conosco

O que vc está procurando?

Revista Atrevida

Música

Conheça Måneskin, banda italiana que é sucesso no TikTok

Grupo que venceu o “Eurovision 2021” conquistou os corações dos internautas ao redor do mundo

Conheça Måneskin, banda italina que é sucesso no TikTok
Conheça Måneskin, banda italina que é sucesso no TikTok. (Foto: Getty Images)

Por Amanda Oestreich

Mesmo que sem querer, você certamente já ouviu pelo menos um dos hits do quarteto italiano Måneskin na sua For You do TikTok. A banda de rock dominou as paradas dos principais charts globais com suas músicas e contagiou milhares através das redes sociais.

@damianodavids

ahh i love this video ##måneskin ##italy ##lyrics ##damianodavid ##ESC2021 ##fyp ##duet ##viral ##iwannabeyourslave ##foryoupage ♬ I WANNA BE YOUR SLAVE – Måneskin

Mas, afinal, quem são os Måneskin?

Como tudo começou…

Tudo começa há seis anos atrás, em 2015, inicialmente apenas com Victoria De Angelis, a baixista que, na época tinha 16 anos, e Thomas Raggi, o guitarrista, de 15. Afinal, os dois estudavam juntos durante o ensino fundamental. Posteriormente, Damiano David e Ethan Torchio se juntaram ao resto do grupo, ambos com respectivamente 17 e 15 anos.

A ideia do nome surgiu depois de Victoria brincar com o seu conhecimento de dinamarquês. Aliás, Måneskin significa algo como “Clarão da Lua” na língua nativa da mãe da baixista. E, enfim, tinhamos um grupo oficialmente formado.

The X Factor 2017

Antes de viralizarem nas redes sociais e se tornarem mundialmente famosos, a banda se inscreveu para participar da versão italiana do famoso reality show musical “The X Factor”, que já revelou grandes nomes da música europeia. Entre as celebridades que viraram hit por lá estão os meninos do One Direction, o cantor James Arthur e o grupo Little Mix, por exemplo.

Na época, o quarteto italiano de estilo musical marcado por um rock alternativo ficou em 2° lugar e chegou a lançar o seu primeiro EP, chamado “Chosen”. Aliás, a produção ganhou dois discos de prata. Nada mau, né? Logo, em 2018, eles lançaram “Moriró da re”, seu segundo EP.

O primeiro grande sucesso do grupo foi conquistado no mesmo ano. Em junho, eles receberam um convite para abrir o show do Imagine Dragons em Milão. Foi aí que a coisa deslanchou.

A rampa do sucesso

Posteriormente, com o aumento do reconhecimento, o grupo lançou o disco “Il Ballo Della Vita” — “A Dança da Vida”, em português. Além disso, eles estrelaram o próprio documentário, “This Is Måneskin”, que foi reproduzido em diversos cinemas da Itália.

Foi assim, então, que eles anunciaram sua primeira turnê, que conquistou não só o público italiano como também de outros países da Europa, como Espanha, França, Alemanha e até Inglaterra.

Eurovision 2021

Em março deste ano, o quarteto, agora com seu novo álbum “Teatro d’ira”, ganhou o Festival de Sanremo — evento musical considerado um dos mais importantes da Europa e até do mundo. Com esse troféu no bolso, a banda poderia representar a Itália no Eurovision 2021.

A competição funciona assim: representantes dos principais países do continente apresentam uma música original de até 3 minutos, que é reproduzida na televisão e nas rádios europeias. Assim, os países concorrentes precisam votar nas músicas de outros países para, assim, determinar o grande vencedor do programa. Inclusive, o festival foi até base de um filme da Netflix, recentemente.

E foi assim que “Zitti e Buoni” levou os integrantes do Måneskin para o estrelato tão sonhado por muitos. Afinal, antes do Eurovision, o grupo contava com cerca de 1 milhão de ouvintes mensais nas plataformas de streaming de música e, logo depois, ultrapassaram 15 milhões.

Algumas pedras no meio do caminho

Como qualquer sucesso repentino, a ascensão do pessoal do Måneskin passou por muitas contestações e mudanças executivas.

Em primeiro lugar, ainda durante o programa, Damiano foi acusado de usar drogas durante a final do Eurovision. Entretanto, isso foi refutado logo depois por um exame toxicológico.

Além disso, este mês, o grupo passou por uma troca de agentes. Anteriormente, Marta Domà administrava o grupo, desde o “The X Factor”. Nas redes sociais, ela lamentou a escolha do grupo, mas desejou muito sucesso.

Passamos 4 anos inesquecíveis cheios de sonhos a realizar e projetos realizados. Eu trouxe vocês até aqui. De agora em diante vocês decidiram continuar sem mim. Meu coração está partido, mas eu desejo a vocês o melhor da vida, pessoal“, escreveu em seu Twitter.

E quem é o novo representante do grupo? Ninguém mais ninguém menos do que Simon Cowell, agente conhecido por sua participação com jurado no “The X Factor” inglês. Entretanto, a novidade recebeu críticas de diversos internautas, que lembraram das várias polêmicas por trás do nome do empresário, que administrou celebridades como One Direction, Fifth Harmony, Little Mix e Cher Lloyd. Afinal, o produtor foi acusado de “escravizar seus artistas” recentemente por ex-participantes do reality musical.

Acusação de plágio

Outra polêmica que envolve o Måneskin é a própria música responsável pelo sucesso dos meninos. De acordo com o grupo The Vendettas, “Zitti e Buoni” seria uma cópia da faixa de 1994 “You Want It, You’ve got it”.

Em uma entrevista, o vocalista Joris Lissens afirmou: “é como se fosse uma canção nossa. A pergunta agora é se isso é plágio. Esses jovens ainda não eram nascidos na época do nosso grupo, mas como eles mesmo dizem ‘o rock and roll nunca morre’”. Será?

Até o momento, o grupo italiano não se pronunciou sobre a acusação.

E como foram parar no TikTok?

Atualmente, o grupo é um sucesso total por conta do TikTok, que viralizou suas músicas mais famosas. Inicialmente, a banda teria hitado por conta do visual lindo dos integrantes, principalmente de Damiano, que encantou com o seu estilo andrógino.

@morirodare

##eurovision ##eurovisionitaly ##eurovision2021 ##italy ##maneskin ##damianodavid ##måneskin ♬ I WANNA BE YOUR SLAVE – Måneskin

Além disso, vários influenciadores europeus estavam narrando e documentando o festival Eurovision enquanto ele ainda rolava, o que certamente ajudou na imagem deles. Outra coisa, é que eles dominam o palco e são verdadeiros rockstar, o que facilitou com que as músicas pegassem e se espalhassem pelo TikTok.

Aliás, na rede social, suas faixas “Zitti e Buoni”, “I Wanna Be Your Slave”, “Torna a Casa” e o cover de “Beggin’” contam com mais de 1,1 milhão de vídeos gravados. Sucesso total, né?

Foi por isso que, na semana passada, o Måneskin abriu sua conta no TikTok, fez uma live na plataforma e bateu dois milhões de seguidores. Tudo nesse curto espaço de tempo. Inegavelmente estrelas, fala sério.

@therealmaneskin

Wednesday 16th June at 5 pm live on @tiktok from Berlin. Stay tuned ⚡️ ♬ suono originale – Måneskin

Da Itália para onde agora?

E agora, o que esse pessoal vai fazer? Bom, não temos uma resposta certa, mas com a nova administração, eles devem estar trabalhando em músicas novas que prometem ser os maiores hits já feitos. Ainda, é muito esperado que com o contato de Simon Cowell nas produções, novas parcerias possam surgir no horizonte.

Afinal, eles já ganharam a simpatia de Miley Cyrus, que compartilhou um cover que o grupo fez de “Midnight Sky” em suas redes sociais, na última segunda-feira (7). Postado em seu stories do Instagram, a estrela comentou que os integrantes do quarteto agora são seus “melhores amigos”. Fofa demais, né? Será que veremos mais interações deles no futuro? Esperamos que sim!