Fale conosco

O que você está procurando?

Revista Atrevida

Música

Após polêmica de “blackface” em apresentação, Camila Cabello se pronuncia

Segundo Camila, a ideia era trazer um “homem branco com um spray laranja terrível”

Após polêmica de "blackface" em apresentação, Camila Cabello se pronuncia
Após polêmica de "blackface" em apresentação, Camila Cabello se pronuncia (Reprodução/YouTube)

Camila Cabello está de volta com a canção “Don’t Go Yet” e começou com as divulgações do single, mas se envolveu em polêmica envolvendo racismo. A apresentação aconteceu na última sexta-feira, 23 no programa norte-americano “The Tonight Show com Jimmy Fallon”.

A ideia da apresentação era levar diversas referências latinas, como no videoclipe da canção, mas acabou gerando polêmica em relação à um dançarino acusado de “blackface”. Este termo é usado quando uma pessoa não-negra utiliza de tintas, pinturas, para escurecer a pele, para ridiculizar pessoas negras e reproduzir esteriótipos preconceituosos dos negros. Logo um ato racista.

Então, rapidamente as pessoas foram até o perfil do dançarino Dylan Pearce e viram que ele é branco e realmente pintou sua pele para a performance.

Reprodução/YouTube

Em seguida, depois de toda a repercussão negativa, a cantora fez um pronunciamento:

“Este homem estava tentando parecer um homem branco com um terrível bronzeamento de spray. Nós tentamos, propositalmente, reunir um grupo multicultural no palco, a expectativa não era que alguém parecesse latino. Tem gente branca, afro-americanos, latinos, etc. então o ponto não era tentar fazer um latino de qualquer forma. Tem um monte de gente na performance que não é. O ponto era tentar fazer cada pessoa parecer um personagem exagerado dos anos 80 como no vídeo, incluindo um homem branco com um spray laranja terrível”.

Mas mesmo assim, muitas pessoas não gostaram da ideia de Camila Cabello, que gerou a polêmica, e as críticas para a cantora e sua equipe continuam.