Fale conosco

O que você está procurando?

Revista Atrevida

Cinema

“No Ritmo do Coração” chega aos cinemas na próxima semana trazendo representatividade

Filme estreia no mês mundial da visibilidade da comunidade surda, o setembro azul

"No Ritmo do Coração" chega aos cinemas na próxima semana trazendo representatividade
"No Ritmo do Coração" chega aos cinemas na próxima semana trazendo representatividade (Foto: Divulgação)

Novidade boa nas telonas vindo aí! Isso porque o próximo lançamento da Diamond Films é a comédia dramática “No Ritmo do Coração (CODA)”, que estreia com exclusividade nos cinemas no dia 23 de setembro. O filme repleto de emoção, humor e música, escrito e dirigido por Siân Heder, estará disponível a partir da mesma data no Moviereading. Este é um app para dispositivos móveis iOS e Android, que garante a acessibilidade do conteúdo para todos.

O longa-metragem venceu os principais prêmios do Festival de Sundance deste ano e acumula sucesso com o público e a crítica internacional, alcançando índices de 96% e 95% de aprovação no Rotten Tomatoes respectivamente.

Sinopse

O filme aborda a relação da jovem Ruby Rossi com a família e os seus sonhos. Ruby (Emilia Jones) é a única pessoa que não é surda em sua família. E, por isso, assumiu o importante papel de intérprete dos pais e do irmão mais velho. Assim, ao mesmo tempo em que enfrenta os desafios da adolescência e os dilemas da família, Ruby descobre seu grande talento para cantar.

Com a mentoria do professor de música Bernardo Villalobos (Eugenio Derbez), decidido a ajudá-la a alcançar seu verdadeiro potencial e treinando-a para uma importante audição na universidade de música Berklee, em Boston, Ruby se vê dividida entre seguir o amor pela música e o medo de precisar abandonar os pais. 

Mais detalhes do longa

O elenco de “No Ritmo do Coração” é composto por Emilia Jones, Troy Kotsur, Eugenio Derbez, Daniel Durant, Ferdia Walsh-Peelo, Amy Forsyth e a vencedora do Oscar Marlee Matlin – é parte ouvinte e parte surdo. 

Assim, com distribuição da Diamond Films no Brasil, longa é baseado no premiado filme francês “La Famille Bélier”. O título original “CODA” vem da sigla da organização internacional “Children of Deaf Adults”. E o nome também é usado no Brasil para se referir às pessoas que são ouvintes e têm pais surdos.

Enfim, confira o trailer:

Então, curtiram? Porque nós já estamos ansiosas para conferir!