Fale conosco

O que você está procurando?

Revista Atrevida

Cinema

James Gunn anuncia início das gravações de “Guardiões da Galáxia Vol. 3”

Terceiro filme da franquia da Marvel chega em maio de 2023

James Gunn anuncia início das gravações de "Guardiões da Galáxia Vol. 3"
James Gunn anuncia início das gravações de "Guardiões da Galáxia Vol. 3"

O terceiro filme da franquia de “Guardiões da Galáxia”, da Marvel, vem aí e o James Gunn já quer todos nós morrendo de ansiedade. Nesta segunda-feira, 8, o diretor publicou em seu Twitter uma foto com o elenco confirmando que o filme já começou a ser gravado.

“Tem sido uma jornada estranha e longa e às vezes desafiadora para chegar aqui, mas os obstáculos ao longo do caminho só tornaram este momento mais feliz. De volta ao set com minha família Guardians para o primeiro dia de filmagem”, escreveu.

Vale lembrar que o longa, que faz parte do Universo Cinematográfico da Marvel, o famoso MCU, está previsto para chegar apenas em 2023, no dia 5 de maio.

Aliás, se você quer saber a data dos outros lançamentos da Marvel, não deixe de conferir nossa thread no Twitter:

James Gunn de volta ao MCU

Inesperadamente, o diretor voltou aos estúdios da Disney, após ser demitido pela empresa por conta de comentários inapropriados sobre assuntos como assédio sexual, AIDS e pedofilia feitos em seu Twitter oficial. Posteriormente, o cineasta se reuniu com o presidente da Marvel Studios, Alan Horn e conseguiu a readmissão.

Nesse meio tempo, James Gunn dirigiu “Esquadrão Suicida 2“, da rival DC, que chegou aos cinemas no dia 5 de agosto.

Peter Quill bissexual

No ano passado, foi revelado que o personagem Peter Quill, o Senhor das Estrelas em “Guardiões da Galáxia”, é bissexual. A informação estava em “Guardians of the Galaxy #9”, que chega neste mês às livrarias dos Estados Unidos como “I Shall make you a Star-Lord”, obra assinada por Al Ewing, com ilustrações de Juann Cabal.

Ainda não há informações de que história se tornará parte da franquia da Marvel nos cinemas, na televisão e no streaming. 

Coincidência ou não, Chris Pratt, o ator que interpreta Quill nos cinemas está ligado a uma igreja acusada de ser anti-LGBT+.