Fale conosco

O que vc está procurando?

Revista Atrevida

Celebridades

Justin Timberlake irá estrelar nova série na Apple TV+; saiba mais

O cantor irá protagonizar uma produção sobre o apresentador Chuck Barris

Justin Timberlake irá estrelar nova série da Apple
Justin Timberlake irá estrelar nova série da Apple (Getty Images)

Justin Timberlake será a estrela de uma nova série da Apple. Segundo informações divulgadas pelo site Deadline na última sexta-feira (9), o cantor irá interpretar o apresentador e produtor televisivo Chuck Barris, que faleceu em 2017.

Ainda sem título, a série será inspirada na biografia “Confessions of a Dangerous Mind”, lançada em 1984. Na obra, Barris faz alegações suspeitas de que alguns programas como “The Gong Show”, “The Dating Game” e “The Newlywed Game” serviam para encobrir seu verdadeiro trabalho como assassino da CIA, que matou inimigos dos Estados Unidos nas décadas de 1960 e 1970.

A história polêmica, que divide opiniões entre a realidade e a fantasia, será o segundo projeto de Timberlake para o serviço de streaming da Apple. Ele já estrelou o drama “Palmer”, que chegou na plataforma em janeiro deste ano. No filme, ele contou a história de um ex-jogador de futebol americano.

Na nova série de Justin para a Apple, David Hollander irá atuar como produtor executivo e showrunner, ao lado de Jon Worley – que já escreveu o roteiro do primeiro episódio. A produção ficará dividida entre a Miramax e a Paramount Television Studios, mas ainda não tem previsão de estreia.

Justin Timberlake se pronuncia após polêmica envolvendo misoginia contra Britney Spears

Justin Timberlake pediu desculpas em suas redes sociais, nesta sexta-feira (12). O cantor se pronunciou após ser acusado de misoginia contra Britney Spears e Janet Jackson. As críticas ao astro chegaram depois do sucesso de “Framing Britney Spears”, documentário que expôs as dificuldades da carreira da cantora de “Toxic”.

Timberlake e Spears namoraram do início dos anos 2000 até 2002. Justin e ela não acabaram em bons termos, o que foi confirmado quando o cantor lançou o hit “Cry Me a River”, supostamente acusando Britney de traição. 

Ainda, o astro se desculpou com Janet Jackson, celebridade com quem cantou no intervalo do Super Bowl, mas que, depois de um movimento inesperado, acabou puxando a roupa da artista, fazendo com que um dos seios dela fosse exposto ao vivo na TV americana. Na época, Janet foi duramente criticada, enquanto o cantor de “Mirrors” conseguiu se desviar da atenção da mídia.

Se pronunciando no Instagram, confira a carta completa:

“Eu vi as mensagens, tags, comentários e preocupações e eu quero responder. Eu lamento profundamente às vezes na minha vida em que minhas ações contribuíram para o problema, em que eu falei em momentos inoportunos ou não me pronunciei pelas coisas certas. Eu entendo que não fiz o suficiente nesses momentos e em muitos outros e me beneficiei de um sistema que perdoa misoginia e racismo. Eu quero pedir perdão especificamente para Britney Spears e Janet Jackson pessoalmente, porque eu me importo e respeito essas mulheres e sei que eu falhei. Eu também me sinto obrigado a responder, em partes, porque todos os envolvidos merecem mais e, mais importante, porque essa é uma conversa maior que eu quero participar e aprender com todo o meu coração. Essa indústria é defeituosa. Ela alavanca o sucesso de homens, principalmente homens brancos. Foi criada desse jeito. Como um homem em uma posição privilegiada, eu preciso me posicionar quanto a isso. Por conta da minha ignorância, eu não reconheci tudo o que aconteceu enquanto estava acontecendo na minha própria vida, mas eu não quero mais me beneficiar de outros que estão sendo empurrados para baixo. Eu não fui perfeito navegando por tudo isso durante minha carreira. Eu sei que esse pedido de desculpas é um primeiro passo e não apaga o passado. Eu quero me responsabilizar pelos meus próprios erros em tudo isso e também fazer parte de um mundo que ajuda e apoia. Eu me importo profundamente com o bem estar dessas pessoas que eu amo e já amei. Eu posso fazer melhor e eu vou fazer melhor.”