Fale conosco

O que você está procurando?

Revista Atrevida

Celebridades

Ex-marido de Naya Rivera faz homenagem à atriz; estrela de “Glee” completaria 35 anos

Naya faleceu em julho de 2020

Ex-marido de Naya Rivera faz homenagem à atriz; estrela de "Glee" completaria 35 anos
Ex-marido de Naya Rivera faz homenagem à atriz; estrela de "Glee" completaria 35 anos. (Crédiitos: Getty Images)

Ryan Dorsey, ex-marido de Naya Rivera, usou sua plataforma nesta semana para homenagear a estrela de “Glee”. Em entrevista à People, Ryan, casado com a estrela de 2014 a 2018, fez um pronunciamento sobre o 35° aniversário de Naya, que seria celebrado nesta quarta-feira, 12.

“Ela sabia o quanto Josey estava disposto a compartilhar suas coisas, mas ela ficaria muito orgulhosa de ver como ele daria coisas que ele ama para amigos ou as doaria”, afirmou Ryan, em primeiro. “Ele tem essa gargalhada quando está assistindo TV que é detestavelmente fofa como a dela era, mas a dele ainda mais. Não importa o seu humor, faria qualquer um sorrir se ouvisse”, disse, em seguida.

“Pelo menos uma vez por dia eu me pego balançando a cabeça, como se ainda fosse inacreditável, tão surreal que ela se foi. Ela estaria pirando hoje, eu quase consigo ouvi-la: ‘OMG, eu tenho quase 40!’ ”, continuou ele para a revista. “É difícil escrever isso, lágrimas saindo dos meus olhos. Não parece real”, lamentou.

A atriz faleceu em julho de 2020, ao se afogar no Lago Piru, na Califórnia. Naya Rivera estava com seu filho Josey em um barco alugado.

Ex-marido de Naya Rivera abre processo contra condado por morte da atriz de “Glee”

Ryan Dorsey, ex-marido da atriz de “Glee”, Naya Rivera, que faleceu no início de 2020, abriu uma ação contra o Condado de Ventura, região do lago onde a estrela se afogou, na Califórnia, o United Water Conservation District, agência governamental californiana, e o Parks and Recreation Management, acusando-os de homicídio culposo, negligência e danos emocionais. 

O processo foi feito em nome de Josey Hollis Dorsey, filho do casal. De acordo com o documento, afirma que o condado deve se responsabilizar pela morte da atriz. Afinal, o barco que ela alugou para o passeio com o filho não cumpria os padrões de segurança da Guarda Costeira americana

[O barco] não estava equipado com uma escada de acesso segura, corda adequada, âncora, rádio ou quaisquer mecanismos de segurança para evitar que os nadadores fossem separados de seus barcos”, relata o advogado da família, no documento do processo. “O barco não estava nem equipado com dispositivos de flutuação ou salva-vidas, em violação direta da lei da Califórnia”, ainda escreve o documento.

Dorsey ainda questiona e critica fortemente a falta de sinalização do Lago Piru, onde a atriz se afogou, informando que não é um lago seguro para natação. O ex-marido de Naya destacou o fato de que, até agora, pelo menos 26 pessoas morreram afogadas nas águas de Piru, desde sua liberação ao público.

Não há uma única placa em lugar algum. Nem na entrada, nem no cais, na área mais popular de natação da Enseada do Diablo, nem em lugar nenhum alertando sobre as fortes correntes do lago, baixa visibilidade, ventos fortes, mudanças profundas de água, cavernas subaquáticas, saliências e declives, ou as árvores arbustos e outros detritos que congestionam suas águas”, explica o documento.